CONDOMÍNIOS

Apesar de não serem considerados pessoas jurídicas (para fins tributários), os condomínios, na prática, assumem inúmeras obrigações e precisam registrar seus fatos administrativos, especialmente para prestação de contas.

Um condomínio deve ter contabilidade porque, no âmbito de prestação de contas do síndico, todos os fatos administrativos precisam ser registrados, documentados e apresentados à assembleia geral ordinária que aprovará (ou não) referida demonstração.

A contabilidade é um instrumento de gestão, portanto, condomínios que prezam seu patrimônio a apresentarão não como uma obrigação, mas como uma ferramenta de administração, gestão e controle!

  • Escrituração dos livros contábeis e do livro caixa;
  • Prestação de contas (mensal) e anual (Demonstrações Contábeis);
  • Elaboração de orçamentos;
  • Apurar e emitir Guias de Recolhimento de INSS, FGTS, ISS, DARF do IRRF, DARF do PIS s/ folha de pagamento;
  • Boletos bancários das taxas condominiais normais e extras;
  • Registro de obrigações trabalhistas: registro de empregado em livro próprio (admissão e demissão), rescisão de contrato de trabalho; atualização da Carteira De Trabalho E Previdência Social – CTPS.